#PARTILHA

e hoje alguém decidiu partilhar no blogue umas indicações sobre carros , sobretudo umas orientações check -list para a população feminina .


#carrosetrabalhos , por QuimZé

Olá jovens. Escrevi algumas dicas que vos podem ser úteis em relação à manutenção do vosso carro, mais especificamente para aqueles que não sabem muita coisa acerca dos carros, à excepção que precisam de combustível para andar e pouco mais.

Então a 1ª dica é sobre a inspecção do carro, a inspecção é feita no máximo até ao dia X do mês Y da data de matrícula do carro, essa data vem assinalada no livrete. A inspecção pode ser feita com 3 meses de antecedência, podendo ser marcada pela internet em www.controlauto.com. No dia da inspecção deve levar os documentos relativos à viatura e depois pagar no local o respectivo valor. Antes de irem à inspecção existem pontos que podem ser verificados em casa, bastando a ajuda de uma pessoa, assim um fica dentro do carro a operar e outra fica cá fora a verificar. Do que falo é por exemplo as lâmpadas das luzes dos mínimos, médios, máximos, stops, piscas, faróis nevoeiro, que en caso de estarem fundidas, são facilmente substituídas.

2ª: não puxar pelo carro a frio. Sempre que pegam no carro pela 1ª vez ao dia ou depois do carro estar bastante tempo parado, evitem conduzir a rotações muito altas, pelo menos até o carro atingir a temperatura adequada, algo entre os 80 e 90 graus.

3ª: pressão dos pneus. Uma coisa bastante importante e que muita gente ignora é a pressão dos pneus. Estes têm um valor de pressão adequado para cada caso, normalmente este valor encontra-se na carroçaria do veículo junto das portas. No caso do carro não ser equipado com sensores de pressão, aconselho a verificar a mesma uma vez por mês. Mas atenção: a pressão deve ser verificada com os pneus frios, porque no caso de irem verificar a pressão com eles quentes, devem acrescentar 0.2 bar ao valor de referencia.

4ª: lavar o carro. Sempre que vão lavar o carro, cuidado com atirar água para a zona das jantes, onde se encontram os discos, principalmente no caso das rodas estarem muito quentes, ou melhor, de terem usado bastante os travões. A água fria em contacto com os discos muito quentes pode fazer com que estes empenem e depois sentem vibrações nas travagens

5ª: trocar pneu furado. Se tiverem algum furo e precisarem trocar a roda, antes de colocarem o macaco para levantar o carro, desapertem 1º a roda, isto é, aliviem os parafusos, de modo a depois com a roda no ar, os poderem desapertar facilmente. Se tiverem dificuldade a desapertar algum, podem usar o peso do corpo para fazer força na chave de rodas, colocando um pé em cima da chave, estando esta em posição horizontal.

6ª: Se por alguma razão der à chave para por o carro a trabalhar e o motor não der sinal de vida, isto é, nem sequer ouvir o motor a girar é provável que esteja sem bateria e seja altura de a substituir. Se for este o caso, há uma maneira de por o carro a trabalhar, mas precisará de ser com o carro em movimento, ou seja, o ideal será numa estrada com inclinação, ou se for plana, precisarão de alguém para empurrar. O procedimento é o seguinte: colocar chave na posição onde aparecem as luzinhas todas no painel, mesmo antes de colocar em marcha, depois coloque o carro na 2ª mudança e com o pé na embraiagem deixa-se descair o carro (caso de estrada com inclinação) e quando atingir alguma velocidade largar a embraiagem devagar até o motor pegar. Cuidado! apenas façam isto se se sentirem minimamente à vontade com este procedimento pois andar com o carro com o motor desligado é perigoso,  rapidamente ficam sem travões visto que o pedal não tem assistência do motor.

7ª: níveis de fluído do motor. Se o vosso carro for mais antigo, é provável que não tenha sensores de nível de óleo e do liquido de refrigeração do motor, logo terão que ser verificados à mão. No caso do óleo, normalmente tem uma vareta onde tem duas marcas, a mínima e máxima, sendo que o certo é o nível de óleo estar entre essas duas marcas. Primeiro tiram a vareta, limpam o óleo, colocam-na novamente no lugar, voltam a tirar e aí sim, aí é que verificam o nível a que está. Nota importante: isto deve ser feito em terreno plano e com o motor frio. Quanto ao nível do liquido de refrigeração, este deve também ser verificado com o motor frio ou aguardar uns 10 min no caso do motor já se encontrar quente. A localização do vaso onde se encontra o líquido pode variar consoante as marcas de carros, mas após o localizar, este terá uma tampa em forma de rosca que é retirada para então corrigir o nível.

mais coisas vos podia dizer, mas por agora, estas dicas, já vos oferecem maior segurança e ficam alerta para uma melhor saúde do carro.


obrigada Quim Zé pela tua partilha , acredita que para as limonetes são conselhos muito úteis e que há muito queríamos ver sintetisados (prometermos chatear -te menos no dia -a -dia ) . és um topo de gama , QZ !)

ief

imagem : de QuimZé

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s